terça-feira, 11 de março de 2008

Saladas


Saladinha feita em casa pelo Mauro


Estou em pleno regime. Não que eu queira perder peso, mas preciso baixar algumas taxas que se revelaram em índices assustadores no último exame de sangue.

Saladas sempre me parecem uma boa opção, mas não pode ser com molhos pesados. Senão não adianta de nada. Aqui no Rio existem vários lugares para se montar saladas. Os que costumamos freqüentar são:

Doce Delícia - você escolhe os ingredientes. Creio que a maior custe menos de R$ 15, mas já faz um tempo que não vamos lá. Na última vez, estava prestes a fechar e o atendimento estava meio confuso. Não gostamos muito, mas, de qualquer forma, é um lugar (normalmente) agradável.

Boomerang - Casa de sucos com mais espaço e mais opções de comidas. Pode-se comer desde um hambúrguer até uma tapioca. Comemos saladas, com ingredientes escolhidos pela gente e com o molho que mais nos agrada. Agora, há a filial do Humaitá e mais uma em Laranjeiras. A de Botafogo é mais ampla e arejada, mas a de Laranjeiras não é ruim também.

Empório Pax - Com uma bela vista do Pão de Açúcar, aqui também pode-se montar. Todos esses lugares oferecem a opção de comer com quiche.

Saladas mais gordinhas:

Gula Gula - Pode-se combinar até três no mesmo prato. Minha amiga Márcia gosta mesmo é de comer quiche do dia com salada verde.

Delírio Tropical - Serve vários tipos de saladas. A ceasar é muito boa! Só que são meio calóricas demais para esses meus tempo de regime.

Via Sete - A melhor ceasar do Rio. Só que meio cara, mas vale a pena.

Alessandro e Frederico - Boas saladas, mas caras demais. Uma colega de aula um dia reclamou que pagou R$ 26 por um pé de alface, seis camarões e mais algumas poucas verduras.

Nenhum comentário: