segunda-feira, 1 de julho de 2013

Balanço de meio de ano

Meio ano se passou e eu ainda não consegui definir meu projeto de doutorado. Quando mais penso, mais insegura me sinto. Com todo mundo que comento sobre isso, e depois que explico um pouco as minhas ideias, recebo em resposta um: “troca de orientador”. Já comecei a pensar nisso, mas acho que não é caso. Ainda acho que o problema não é o orientador, mas a minha falta de motivação.
Não encontrei ainda o que me interessar. Depois de tantas disciplinas que somos obrigados a pensar, fico me perguntando se não foi um erro fazer o doutorado na mesma área do mestrado. Talvez devesse ter pensado em outros desdobramentos. Agora é tarde. Já comecei e vou até o fim, mesmo que não muito animada.

Outros projetos deram certo neste primeiro semestre.

Consegui dar uma eliminada em muitas coisas em casa. Casa arrumada deixa qualquer um mais feliz.

O curso de alemão foi interessante. Comecei a conversar mais em alemão com a Julia, a polonesa que está fazendo estágio aqui no trabalho. Isso tem sido muito bom.

Conseguimos emagrecer neste primeiro semestre. Minha meta eram quatro quilos, mas estou bem satisfeita com os 3,5kg perdidos. Já deu uma diferença gigantesca nas roupas. Costumo dizer que voltei ao normal. Aquela mais pesada não era eu. Agora sairemos de férias e talvez eu aumente um pouco o peso, mas já aprendi como reduzi-lo – nada de truques, simplesmente controlando a comida e fazendo exercício. É uma conta fácil a ser feita.

Desde o final do ano estava fazendo terapia. Há pouco mais de um mês resolvi me dar alta. Consegui evoluir em alguns assuntos, noutros ainda há muito para ser consertado, mas agora não estava conseguindo dar conta de tudo. Resolvi deixar para um momento mais propício.

Em termos de viagens, o primeiro semestre nem foi tão dos piores. Fui duas vezes ao Rio Grande do Sul, duas vezes a Uberlândia/Catalão e uma vez a Campinas/Piracicaba. Amanhã vou a Vitória, mas será uma viagem de bate-volta.

Conseguimos planejar financeiramente nossa viagem de férias, o que me deixa também bem contente. Faltam apenas 7 dias. Agora, preciso apenas terminar o detalhamento da programação. E fazer a mala

2 comentários:

Anônimo disse...

Boa sorte com o tema do doutorado, Rafa. De vez em quando penso nesse assunto e desejo muito que tu encontres um tema viável e que te motive bastante. Torço realmente por isso. Eu tive muita sorte no meu mestrado, pelo menos em definir o tema e ter quem o apoiasse – estou muito feliz, mas se fosse contar como se deu essa minha troca (de tema e de área, só não de orientador, oficialmente), o meu comentário seria looooongo.
Uma ótima viagem para vocês! Vou acompanhar pelo instagram (né?). :)
Beijo,
Daise.

Le Vin au Blog disse...

Obrigada pelo pensamento positivo. Eu alterno momentos de 'tô nem aí' com desespero total. Nas férias, vou aproveitar para esquecer, mas quando voltar, não vai ter jeito, vou ter que decidir de vez.
Ainda não sei como será minha conexão, mas com certeza publicarei algumas fotinhos. :)
Quero aproveitar para me desligar um pouco - se conseguir.
Bjs e obrigada!