sábado, 15 de setembro de 2018

Setembro

De repente, agosto passou voando e as pessoas começaram a implicar com setembro. Peraí, gente, setembro é o meu mês preferido. Nada disso de ficar falando mal.

Aliás, setembro está passando tão rápido, que nem parece que na semana que vem já será meu aniversário.

Nos últimos dois anos, no dia do meu aniversário eu estava me sentindo miserável!

Em 2016, eu celebrei meus 40 anos e fiz uma festa com praticamente todas as pessoas importantes da minha vida. Nossa, mas eu estava me sentindo tão mal, tão triste, mas sem coragem de expor. Vivi aquele fim de semana no piloto automático. Uma pena.

No ano passado, foi menos pior, mas terminei o dia sozinha, chorando, me sentindo tão triste.

Neste ano, mesmo que passe sozinha, porque ainda não conheço praticamente ninguém aqui em Heidelberg e ninguém sabe do meu aniversário, tenho certeza de que me sentirei mais feliz do que nos últimos dois anos.

Em 2018, a vida tem sido tão generosa comigo, que não tenho motivos concretos para me sentir triste. Tudo que me propus a fazer deu certo. E sou muito agradecida. :)

Nenhum comentário:

Surpresas nem sempre são boas...

A vida nos surpreende de um jeito às vezes.  Meu 2022 estava indo bem, já tinha feito algumas viagens, tinha outras planejadas, iria receber...