Pelas paredes de Ipanema





Na volta até o carro, passamos por esses grafites numa parede. Eu gosto do traço desse grafiteiro. Já vi obras dele em Ipanema e em Copacabana. Aqui, os elefantinhos têm até nome. Ah, e a capivara ali ao lado de um deles chama-se Cora, em homenagem, imagino, a esta Cora.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

De Porto Alegre a Colônia do Sacramento de carro

Meu (longo) processo de cidadania italiana

Voltei