sábado, 12 de janeiro de 2013

E eu...

E eu, que queria tanto, me pego indecisa.

Que esperava tanto, me pego descrente.

Que sonhava tanto, me pego insone.

Que sorria tanto, me pego triste.

Nenhum comentário: