Ô, preguiça!

Eu gostaria de ser menos preguiçosa e registrar aqui mais sobre meus dias em Heidelberg. É bom ler os posts antigos e quanto menos escrevo, menos tenho para ler depois. Eu sou daquelas que escrevia diários e mais diários na adolescência e está em mim esta vontade de registrar. Problema é que ando tão preguiçosa.

Acho que desacostumei a escrever à mão e não é todo dia que tenho vontade de ligar o computador. Cada vez menos agora que não tenho necessariamente obrigação. Ainda faço um ou outro frila e ajudo uma ou outra amiga com textos, mas cada vez mais raro.

Bom, mas de qualquer forma, gostaria de registrar que estou me sentindo muito bem aqui em Heidelberg. Agora já tenho meu apartamento, do qual gosto muito. Ainda estou me familiarizando com a cidade. Apesar de não ser muito grande, há muito para se ver. Ainda não fiz nem a ficha na biblioteca! Uma negação, mas aos poucos vou dando conta de tudo. Negócio é que agora não tenho pressa. Não estou de passagem, não estou de férias, esta é minha vida agora.

Estou completando seis semanas no trabalho. Eu fico impressionado com a rápida passagem do tempo. Os dias já estão ficando mais curtos. Está anoitecendo às 20h30 e, pelo que vi na web, a partir de amanhã a temperatura vai cair bem. Dá uma pena, parece que não aproveitei o verão como deveria, mas devo ser também minha amiga e lembrar que estava envolvida em outros projetos. Além disso, fui várias vezes à piscina pública. Nem posso reclamar, estou até bem bronzeada para os meus padrões.

Comentários

Lud disse…
É isso mesmo! Gosto muito de ler posts antigos e me lembrar do que estava pensando à época. Vale a pena fazer um esforcinho e registrar.

Beijos!
Le Vin au Blog disse…
Oi, Lud! Obrigada pelo incentivo. Bj

Postagens mais visitadas deste blog

De Porto Alegre a Colônia do Sacramento de carro

Meu (longo) processo de cidadania italiana

"If you leave, don't leave now"