Ilhada

Ontem, falei que o tempo parecia indeciso. Isso foi ontem. Hoje, ele tem certeza do que fazer: chover, chover e chover. Estamos ilhados, as ruas ao redor de casa estão cheias.

Atendendo ao pedido do prefeito, ficarei em casa hoje. Mesmo que eu quisesse, não poderia sair...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

De Porto Alegre a Colônia do Sacramento de carro

Meu (longo) processo de cidadania italiana

Voltei