Ilhada 3

Hoje, ao ir à aula do mestrado, fiquei sabendo de mais duas histórias da chuva de segunda/terça. Minha professora estava na Praça da Bandeira na noite do alagamento e ficou ilhada em um posto de gasolina. A garagem de uma colega alagou e o carro ficou submerso. Outro, que mora em Olaria, na Zona Norte, ficou preso em Copacabana. E, ontem, a Tati, outra colega, que mora em Niterói, se viu obrigada a ficar no Rio, pois a situação lá em Niterói estava descontrolada. Hoje, ela conseguiu voltar para casa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

De Porto Alegre a Colônia do Sacramento de carro

Meu (longo) processo de cidadania italiana

Voltei