segunda-feira, 31 de maio de 2010

Tão refinado, mas tão 'miudeiro'

Sábado passado fui ao Garcia e Rodrigues com uma amiga para uma sobremesa. Cada uma escolheu uma ótima sobremesa e foi tudo bem.

Quando veio a conta, resolvemos dividir os R$ 40,32, pois as sobremesas tinham o mesmo preço: R$ 18 cada uma.

Paguei com cartão e falei para o garçom colocar R$ 20,32 centavos, para minha amiga não precisar trocar os R$ 22 que ela estava colocando para pagar a parte dela. Assim, ela pagaria R$ 20 redondo. O garçom passou R$ 20,16.

Pensei: - ah, tudo bem. R$ 0,16 centavos não é nada.

Qual não foi a minha surpresa ao descobrir que para o Garcia e Rodrigues 16 centavos são sim alguma coisa.

Ela entregou os R$ 20 e o garçom:

- Faltam 20 centavos.

Eu não acreditei e falei:

- Mas esses 20 centavos fazem parte dos 10%, você vai querer mesmo?

O garçom impassível. Lá fomos nós catar os 20 centavos. eu tinha 5 centavos, minha amiga colocou mais 10 em cima da mesa, quando finalmente o homem se mexeu:

- Quinze está bom.

Fiquei indignada. Depois é que me dei conta que ele falou 20 quando na verdade eram 16. E mais ainda por isso estar dentro dos 10% OPCIONAIS! E que diga-se de passagem nem são 10% lá no Garcia e Rodrigues, mas 12%!!! Pois 4,25 não são 10% de R$ 36 nem aqui, nem na China.

Tão cedo não volto mais lá!

2 comentários:

Roberta disse...

Miudeiro que consegue a proeza de cobrar R$ 18 por uma sobremesa e ainda reclamar por centavos? Jisuis!!!!

Marcão disse...

Rafa,
Me permita enviar seu post para a Luciana Froes, editora de gastronomia do O Globo!
Tambem, recomendo voce enviar este belo texto para programafurado@oglobo.com.br e se possivel com uma foto da notinha do cartão!
Aprendi que estes lugares temem mais um jornal do que uma vigilancia sanitaria ou um PROCON!