terça-feira, 7 de março de 2017

Leveza, pelo menos por um instante

Hoje fui invadida por um sentimento tão bom.

Não sei se foram os brotinhos que começaram a aparecer nas árvores e arbustos (que observo com atenção especial), a prova de alemão que não foi muito difícil, a conversa boa com o professor de biblioteconomia da HdM ou o simples fato de estar realizando (finalmente) o sonho de fazer um intercâmbio, mas o dia está terminando de forma diferente dos outros dias.

Hoje acredito até que a dor, que se instalou em mim há quase um ano, vai passar.

O dia foi cheio de emoções. Começou com um café de boas-vindas na Hochschule der Medien. Conheci a Mariana, minha buddy, ou seja, a pessoa na universidade que se voluntariou para me ajudar com as coisas do dia a dia na Alemanha. Descobri que ela também é jornalista.

Depois fui conversar com o professor responsável pelos alunos estrangeiros. Seremos só eu e um francês neste semestre como alunos estrangeiros. Talvez façamos uma disciplina juntos. Eu tinha feito uma tabela com meus desejos. A maioria poderei cursar. Duas ainda dependerá dos professores, mas estou feliz por já ter uma ideia da minha programação no semestre.

Nem tive muito tempo de comer ou pensar antes de correr para a aula de alemão. Hoje ainda tínhamos prova! Quando cheguei, meu colega iraniano me olhou de forma desesperada. Ele é ótimo falando e se expressando em alemão, mas a parte escrita não é muito seu forte. Somos o oposto. Eu posso escrever muito melhor do que falar. Acabamos ajudando um ao outro.

No final da aula, minha barriga roncava tanto! Sai rápido da aula e resolvi me proporcionar um jantar. Escolhi um pequeno italiano perto de "casa". Eu era a única pessoa no pequeno restaurante. A comida estava deliciosa.

Para fechar o dia, tarefas de casa, um pouco de leitura do livro que peguei na biblioteca pública e descansar, pois amanhã o dia será novamente cheio.

:)

Nenhum comentário: