sexta-feira, 5 de julho de 2019

Semana corrida

Ontem à noite, fiz uma apresentação on-line para os colegas do curso de Biblioteconomia da UCS. O título "Atuação bibliotecária no exterior" prometia mais do que eu efetivamente mostrei, mas isso é o que dá quando se tem que entregar o título com muita antecedência, sem ainda ter terminado a apresentação em si.

A experiência é sempre bacana. Esta foi a terceira vez que participei - foi a quarta semana acadêmica. A primeira vez, ainda como aluna, foi presencial. As outras duas, a distância. Confesso que este último formato me agrada bastante - apesar de eu ser uma pessoa que desde a tenra idade não gosta de falar ao telefone e muito menos de fazer ligações de áudio.

Acho que a do ano passado, sobre pós-graduação na área de Biblio foi mais útil, mas talvez uma ou outra ideia passada na de ontem sirva para algum colega futuramente.

***

Nesta semana estou fechando um frila. Claro que tinha que coincidir com alguns compromissos que havia marcado há semanas. Na quarta, por exemplo, fiz um curso de culinária (mediterrânea). Como já havia pago, não quis jogar o dinheiro fora. Iria ganhar pelas horas trabalhadas no frila, mas seria então apenas para compensar o gasto com o curso. Decidi ir fazer o curso e terminar o frila até hoje. Quem me contratou sabia que faria o trabalho apenas nas minhas horas de folga - e, sendo assim combinado, aqui na Alemanha ninguém fica cobrando.

O curso de culinária foi ok. Acho que não gostei muito do formato. Todo mundo ajuda e faz tarefas diferentes no começo, como fatiar legumes, cortar cebolas (o que me ofereci de pronto para fazer, porque estou acostumada e nem choro mais). Só que à medida que esse trabalho vai sendo concluído, já começa-se a cozinhar efetivamente. Se você ainda estiver envolvido na sua tarefa, perderá a explicação, pois a cozinha é grande. Sei lá se consegui pegar muita coisa. De qualquer forma, hoje vou fazer a massa simples e gostosa que aprendi no curso.

***

Consegui vir duas vezes para o trabalho de bicicleta nesta semana. Na segunda ida e volta. Na terça, vim de bicicleta, mas somente ontem voltei. Nas outras noites, tinha compromissos no centro e achei que ficaria muito tarde para voltar de bike. No final, ainda estava claro e daria para ter ido. Mesmo se estivesse escuro daria para ter ido, mas também tenho que usar meu caro cartão do ônibus. Hoje preciso resolver umas coisinhas no centro, então resolvi vir de busão mesmo. Quando venho de bike, acabo não passando pela região central, ando pela outra margem do rio Neckar.

Nenhum comentário:

Surpresas nem sempre são boas...

A vida nos surpreende de um jeito às vezes.  Meu 2022 estava indo bem, já tinha feito algumas viagens, tinha outras planejadas, iria receber...