Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2010

Tão refinado, mas tão 'miudeiro'

Sábado passado fui ao Garcia e Rodrigues com uma amiga para uma sobremesa. Cada uma escolheu uma ótima sobremesa e foi tudo bem.
Quando veio a conta, resolvemos dividir os R$ 40,32, pois as sobremesas tinham o mesmo preço: R$ 18 cada uma.
Paguei com cartão e falei para o garçom colocar R$ 20,32 centavos, para minha amiga não precisar trocar os R$ 22 que ela estava colocando para pagar a parte dela. Assim, ela pagaria R$ 20 redondo. O garçom passou R$ 20,16.
Pensei: - ah, tudo bem. R$ 0,16 centavos não é nada.
Qual não foi a minha surpresa ao descobrir que para o Garcia e Rodrigues 16 centavos são sim alguma coisa.
Ela entregou os R$ 20 e o garçom:
- Faltam 20 centavos.
Eu não acreditei e falei:
- Mas esses 20 centavos fazem parte dos 10%, você vai querer mesmo?
O garçom impassível. Lá fomos nós catar os 20 centavos. eu tinha 5 centavos, minha amiga colocou mais 10 em cima da mesa, quando finalmente o homem se mexeu:
- Quinze está bom.
Fiquei indignada. Depois é que me dei conta que ele fal…

Lixeirinha bacana

Imagem
Na segunda-feira passada, dormi no Mercure do Moinhos de Vento, em Porto Alegre, e lá tinha essa lixeirinha muito legal. Queria uma igual.

Do Morro da Urca

Imagem
Num domingo desses de maio, fizemos a trilha que leva ao Morro da Urca em um passeio que organizei lá no trabalho. Foi bem legal. O dia estava lindo.

Velinhas

Imagem
Hoje ninguém está de aniversário, mas como estava arrumando as fotos do mês e me deparei essa feita pelo Claudio com o celular no dia do aniversário do Mauro, fiquei tentada a colocá-la aqui, apenas porque é bonita.

Reclamaçãozinha, para variar

O frio chegou ao Rio. Engraçado ver cariocas de casaco...

Por que será que algumas pessoas têm tempo de sobra para enviar vários e-mails ao longo de uma semana com correntes, piadas e parábolas, mas não tem dois minutos para responder a um e-mail pessoal, escrito só para ela ler... Estou bem chateada com uma conhecida minha. Ela enche minha caixa de e-mails com toda sorte de histórias, nunca pessoais. Aí, resolvo escrever um e-mail, para saber como ela está, como estão o marido e a filha e, o que recebo? Mais um monte de textos supostamente escritos por cronistas famosos... Estou pensando seriamente em bloqueá-la.

Amanhã estou indo para o Rio Grande do Sul por cinco dias. Vai ser bem bom. E bem frio!

Inter ganhou. Boa notícia da noite.

Passeios e pouco tempo para o estudos

Imagem
O fim de semana não foi lá muito produtivo em termos de estudos. Acabamos gastando o sábado na rua, primeiro no enterro do pai de um amigo lá em Niterói e depois andanças por lojas em Copacabana à procura de uma embalagem para o lanchinho do passeio do dia seguinte. Quando chegou a noite, saímos de novo, para um encontro com alguns amigos.

No domingo, passeio com o pessoal do trabalho. Nem dá para reclamar, pois fizemos uma trilha até o Morro da Urca. E a vista de lá é linda. O dia estava ensolarado e com céu azul. Foi muito legal. A trilha, apesar de estar com um pouco de lama, é bem tranquila, fácil. Já estamos pensando em fazer outras vezes.



Revista Luz

Uma colega deu a dica de uma revista eletrônica bem interessante. Ela é produzida pelo Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor Unicamp) em parceria com a CPFL Cultura. Vale a pena:

http://www.luz.cpflcultura.com.br/

Los geht's!

Não é nem exatamente preguiça, mas hoje preferiria não ir à aula de conversação do alemão.
Acho que não pensei direito na hora em que fiz a matrícula, não achei que iria ter tanto trabalho para fazer em casa por conta da dissertação.
Quando penso no inve$timento, acabo sendo empurrada até a Rua do Passeio, onde fica o Goethe.
E hoje, depois do alemão, ainda precisa correr meus 8km... Fazer um mapa conceitual para a aula do mestrado (ainda bem que só faltam uns retoques), esquematizar a metodologia da dissertação para entregar para análise, terminar de ter um texto e, se der, ainda ver o House. Ah, sim, nesse meio tempo terei de tomar banho depois do treino e comer alguma coisa.
Será que consigo realizar o sonho de ir dormir antes da meia-noite?

Motoqueiros

A mocinha vem caminhando pela calçada e avista lá na frente um motoqueiro. Indigna-se.
Quando chega mais perto, pergunta ao motoqueiro, que, detalhe, anda no mesmo sentido da rua:
- Está perdido? A rua fica ali ó!
O motoqueiro se manifesta:
- Estou chegando em casa.
A mocinha continua caminhando, mas lá adiante ouve o cara gritando algo, que, felizmente, ela não entendeu.
Chegando em casa ou não, na minha opinião, ele não tinha razão para andar de moto em cima da calçada. Se estivesse empurrando a moto ainda, mas o - metido a certo - motociclista estava com a moto ligada. Errada estava eu, ao reclamar.

Um pouco de tudo - contra a preguiça

Anda rolando uma conversa nos blogs que sempre leio sobre falta de vontade de escrever. Bom, por aqui, a realidade não é diferente. A autocensura é a maior vilã no meu caso.
Na tentativa de vencer isso e de dar um pouco de vida a esse tão abandonado blog, algumas últimas notícias.
* Hoje, finalmente, me encontrei com meu co-orientador. Acho que encontrei o trilho. Vamos ver se agora avanço algumas milhas.
* Nunca pensei que identificar um problema fosse tão complicado...
* Faltam somente 112 dias para nossa viagem à Europa.
* Faltam somente 192 dias para minha viagem a Aracaju com minha mãe.
* Faltam somente 16 dias para uma provável viagem ao Rio Grande do Sul. Preciso de um pouso em Porto Alegre para uma noite.
* Hoje falei com meu afilhado Nicolas. Ele é uma figura. Queria deixar um recado para o Claudio, mas não sabia muito bem qual...
* Que bom, minha amiga Márcia vem para o Fashion Rio.
* Amanhã, a máquina de lavar será consertada.
* Já estou enjoando da fazendinha, mas não consigo abando…

Outra versão, o mesmo encanto

Conheci esta música em uma versão diferente, mas todas com pessoas de uma mesma família, a de Rufus Wainwright. Esta é com a mãe e a irmã dele.