segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Na rodoviaria

Daqui a pouco pego o onibus para Santiago. Foram duas boas semanas em Mendoza.

Acordei cedo, apesar de meu onibus ser apenas as 10h30min. Queria dar tchau para os meninos - toda vez que falava meninos para meu professor, ele sempre fazia uma piadinha, pois um dos meninos, Winfred, tem uns 60 e poucos... Tomei café bem descansada, como diria minha mae, e tomei um taxi para a rodoviaria. O taxista ja estava nervozinho a esta hora da manha. Nunca vi ninguem buzinar tanto. E ele dirigiu como um tipico mendocino: como um louco.

Nada melhor do que esperar podendo usar a internet. Essa é uma das coisas boas deste século.

Acho que fiquei o tempo exato em Mendoza. Mais, seria exagero. Menos, seria insuficiente. Bom, ja esta na hora de ir voltando para casa. O dia em Santiago vai ser bom para ver a exposicao da Frida, que esta no Palacio de la Moneda, e para fazer umas ultimas poucas comprinhas, pois nada mais cabe na mala.

Um comentário:

Marcela disse...

Vim desejar bom retorno e dizer que estou louca para saber as novidades.
Beijos
Marcela