segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Estranhamento

Acabei de ver um e-mail da Arminda, colega do curso de Jornalismo lá de Caxias, comunicando a morte de um professor nosso, o Maurício. A notícia no Pioneiro começa dizendo que ele seria o paraninfo da próxima turma de Jornalismo da UCS e tem a declaração de uma aluna explicando que ele foi escolhido por ter afinidade com a turma. Engraçado, pelo que me lembro – e posso estar enganada, pois faz tantos anos e o e-mail afetuoso da Arminda demonstra o contrário –, com a minha turma não houve esse entrosamento todo. Por isso, essa notícia me causa mais estranhamento do que tristeza.

Nenhum comentário:

Pequenos comentários

No curso de italiano, de vez em quando, escutamos algumas músicas. Uma delas foi “L'isola che non c'è”, de Edoardo Bennato, música q...